terça-feira, 17 de julho de 2018

ADAM SMITH

Adam Smith nasceu em Kirkcaldy (Escócia) no dia 5 de junho de 1723 e morreu Edimburgo (Escócia) no dia 17 de Julho de 1790 aos 67 anos e hoje registramos 228 anos da sua morte. Importante filósofo e economista britânico nascido na Escócia. Teve como cenário para a sua vida o atribulado século das Luzes, o século XVIII. É o "Pai da Economia Moderna", e é considerado o mais importante teórico do liberalismo econômico. Autor de "Uma investigação sobre a natureza e a causa da riqueza das nações", a sua obra mais conhecida, e que continua sendo usada como referência para gerações de economistas, na qual procurou demonstrar que a riqueza das nações resultava da atuação de indivíduos que, movidos inclusive (e não apenas exclusivamente) pelo seu próprio interesse (self-interest), promoviam o crescimento econômico e a inovação tecnológica.


ADAM SMITH

GEORGES-HENRI ÉDOUARD LEMAITRE

Georges-Henri Édouard Lemaître nasceu em Charleroi (França) no dia 17 de julho de 1894 e morreu em Louvain (França) no dia 20 de junho de 1966 aos 72 anos e hoje comemoramos  124 anos do seu nascimento. Importante padre católico, astrônomo e físico belga. Lemaître propôs o que ficou conhecido como teoria da origem do Universo do Big Bang, que ele chamava de "hipótese do átomo primordial", que posteriormente foi desenvolvida por George Gamow(1904-1968).
O asteróide 1565 Lemaître foi assim chamado em sua homenagem.


GEORGES-HENRI ÉDOUARD LEMAITRE

JULES HENRI POINCARÉ

Jules Henri Poincaré nasceu em Nancy (França) no dia 29 de abril de 1854 e morreu em Paris (França) no dia 17 de julho de 1912 aos 58 anos e hoje registramos 106 anos da sua morte . Importante matemático, físico e filósofo da ciência francês. Alguns de seus trabalhos mais importantes incluem os três volumes de "Os novos métodos da mecânica celeste" (Les méthodes nouvelles da mécanique céleste), publicados entre 1892 e 1899, e "Lições de mecânica celeste" (Léçons de mécanique céleste, 1905). Também escreveu numerosas obras de divulgação científica que atingiram uma grande popularidade, como Ciência e hipótese (1902), O valor da ciência (1904) e Ciência e método (1908).


JULES HENRI POINCARÉ


JULES HENRI POINCARÉ

===================================
ASSINE E LEIA

FILACAP

TUDO SOBRE SELOS, MOEDAS, CÉDULAS E COLECIONISMO EM GERAL.

======================================================================

segunda-feira, 16 de julho de 2018

NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO APARECIDA

Nossa Senhora da Conceição Aparecida, foi proclamada Rainha do Brasil e sua Padroeira Principal em 16 de julho de 1930, por decreto do papa Pio XI. A imagem já havia sido coroada anteriormente, em nome do papa Pio X, por decreto da Santa Sé, em 1904. A 8 de setembro de 1904, a imagem foi coroada com a riquíssima coroa doada pela Princesa Isabel e portando o manto anil, bordado em ouro e pedrarias, símbolos de sua realeza e patrono. A celebração solene foi dirigida por D. José Camargo Barros, com a presença do Núncio Apostólico, muitos bispos, o Presidente da República Rodrigues Alves e numeroso povo. Depois da coroação o Santo Padre concedeu ao santuário de Aparecida mais outros favores: ofício e missa própria de Nossa Senhora Aparecida, e indulgências para os romeiros que vêm em peregrinação ao Santuário.
Pela Lei nº 6.802 de 30 de junho de 1.980, foi decretado oficialmente feriado no dia 12 de outubro, dedicando este dia a devoção. Também nesta Lei, a República Federativa do Brasil reconhece oficialmente Nossa Senhora Aparecida como padroeira do Brasil.


1º CONGRESSO DA PADROEIRA DO BRASIL 
5O ANOS DA COROAÇÃO



250º ANIVERSÁRIO DO DESCOBRIMENTO
DA IMAGEM DE NOSSA SENHORA APARECIDA 




CENTENÁRIO
DA COROAÇÃO DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO APARECIDA




75 ANOS DA COROAÇÃO DA IMAGEM
NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO APARECIDA




Presidente da República Rodrigues Alves
8 de setembro de 1904
PRESENTE A COROAÇÃO DE NOSSA SENHORA

BARBOSA LIMA SOBRINHO

Alexandre José Barbosa Lima Sobrinho nasceu em Recife (PE) no dia 22 de janeiro de 1897 e morreu no Rio de Janeiro no dia 16 de julho de 2000 com 103 anos e comemoramos 121 anos do seu nascimento. Importante advogado, escritor, historiador, ensaísta, jornalista e político brasileiro. Em 28 de abril de 1937 foi eleito para a cadeira 6 da Academia Brasileira de Letras, sucedendo o literato José Maria Goulart de Andrade (1881-1936) e ocupada atualmente por Cícero Sandroni (1935). Lá atuou também como secretário-geral em 1952; presidente em 1953 e 1954; diretor da Revista da Academia em 1955 e 1956; diretor da biblioteca de 1957 a 1978 e tesoureiro de 1978 a 1993.


ALEXANDRE JOSÉ BARBOSA LIMA SOBRINHO

VISCONDE DE CAIRU

José da Silva Lisboa, primeiro barão e visconde de Cairu nasceu em Salvador (BA) no dia 16 de julho de 1756 e morreu no Rio de Janeiro no dia 20 de agosto de 1835 aos 79 anos e hoje comemoramos 262 anos do seu nascimento. Grande economista, historiador, jurista, publicista e político brasileiro, ativo na época da Independência do Brasil. Sempre apoiou ardorosamente D. João VI e D. Pedro I. Ocupou diversos cargos na administração econômica e política do Brasil, Deputado da Real Junta do Comércio e Desembargador da Casa da Suplicação, após a instalação da corte no Rio de Janeiro, em 1808. Diz-se na página 321 de «Portugal como Problema - A Economia como Solução», Público-Fundação Luso-Americana, Lisboa, 2006: «Impulsionou a criação de uma aula de economia política e colaborou diretamente na redação dos decretos que ditaram a abertura dos portos brasileiros e o levantamento da proibição de instalação de manufacturas no Brasil. A sua atitude favorável ao desenvolvimento econômico da colônia acabaria por contribuir para a criação das condições indispensáveis à independência política do Brasil, em 1822, figurando Silva Lisboa - entretanto agraciado com o título de Visconde Cairú - como um dos nomes com lugar de honra no panteão dos heróis da pátria brasileira.»


VISCONDE DE CAIRU


VISCONDE DE CAIRU




DOM JOÃO VI



DOM PEDRO I

===================================
REFLEXÃO:

"AS LÁGRIMAS NÃO PERDEM PERDÃO, MAS O ALCANÇAM."
SANTO AMBRÓSIO
======================================================================

domingo, 15 de julho de 2018

JEAN-BAPTISTE CHARCOT

Jean-Baptiste Charcot nasceu em Neuilly-sur-Seine (França) no dia 15 de julho de 1867 e morreu em um naufrágio nas costas da Islândia no dia 16 de setembro de 1936 aos 69 anos e hoje comemoramos 151 anos dos seu nascimento. Importante cientista francês, médico e cientista polar. Seu pai foi o neurologista Jean-Martin Charcot (1825–1893). Jean-Baptiste Charcot foi nomeado líder da Expedição Antártica Francesa com o navio Français explorando a costa oeste da Terra de Graham de 1904 até 1907. A expedição alcançou a ilha Adelaide em 1905 e tirou fotos do Arquipélago Palmer e da Costa Loubet. De 1908 a 1910, uma outra expedição seguiu o navio Pourquoi-Pas?, explorando o Mar de Bellingshausen e o Mar de Amundsen e descobrindo a Terra de Loubet, a Baía Marguerite e a Ilha Charcot, que recebeu o nome de seu pai, Jean-Martin Charcot. Mais tarde, Jean-Baptiste Charcot explorou Rockall em 1921, e a Groenlândia oriental e Svalbard, de 1925 a 1936. Morreu quando o Pourquoi-Pas? foi destroçado em uma tempestade ao largo da costa da Islândia em 1936. Um monumento à Charcot foi criado em Reykjavík, Islândia pelo escultor Ríkarður Jónsson, em 1952.

JEAN-BAPTISTE CHARCOT

JEAN-BAPTISTE CHARCOT

 
JEAN-BAPTISTE CHARCOT

Resultado de imagem para Jean-Baptiste Charcot
JEAN-BAPTISTE CHARCOT
MEDALHA


JEAN-BAPTISTE CHARCOT



JEAN-BAPTISTE CHARCOT


JEAN-MARTIN CHARCOT