sexta-feira, 30 de novembro de 2012

AFONSO PENA

Afonso Pena nasceu em Santa Bárbara, Minas Gerais no dia 30 de novembro de 1847 e morreu no Rio de Janeiro do dia 14 de junho de 1909, filho do imigrante Português Domingos José Teixeira Pena e da brasileira Ana Moreira dos Santos. Diplomado em Direito pela Faculdade de Direito de São Paulo em 1870, Afonso Pena foi um dos fundadores e diretor, em 1892, da "Faculdade Livre de Direito" de Minas Gerais, atual Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Exerceu o mandato de deputado pelo estado de Minas Gerais, em 1874. Nos anos seguintes, enquanto se mantinha como deputado, também ocupou alguns ministérios: da Guerra (1882), da Agricultura, Comércio e Obras Públicas (1883 e 1884), e da Justiça (1885). Afonso Pena e Rodrigues Alves, seu colega de faculdade, foram os dois presidentes da república que foram antes conselheiros do Império do Brasil. É o único membro do Gabinete Imperial de Dom Pedro II que se tornou Presidente da República do Brasil.
Afonso Pena presidiu a seguir a Assembleia Constituinte de Minas Gerais, nos primeiros anos da república.

CONSELHEIRO AFONSO PENA



CONSELHEIRO RODRIGUES ALVES
COLEGA DE FACULDADE

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

SELO COM AROMA E SABOR?

Imaginem selos com sabor de chocolate, sensíveis ao calor e que brilham no escuro são as maiores novidades da programação filatélica da Bélgica para 2013 em homenagem aos seus chocolates. Os selos, com aroma e sabor serão cobertos por substância capaz de garantir as características típicas do chocolate, segundo informações dos Correios do país.
Lembramos que selos com aroma e materiais inovadores é uma tendência contemporânea na Filatelia. Os primeiros selos brasileiros com odor foram lançados em 1999. Impressa em papel reciclado, com aroma de mata queimada, a quadra “Parques Nacionais do Brasil – Prevenção a Incêndios Florestais” visava informar e mobilizar a população contra práticas potencialmente danosas às áreas florestadas.


quarta-feira, 28 de novembro de 2012

COELHO NETO

Henrique Maximiano Coelho Neto em Caxias(MA) no 21 de fevereiro de 1864 e morreu no Rio de Janeiro no dia 28 de novembro de 1934. Foi um escritor, cronista, folclorista, romancista, crítico e teatrólogo, político e professor brasileiro, membro da Academia Brasileira de Letras onde foi o fundador da Cadeira número 2.
Foi considerado o "Príncipe dos Prosadores Brasileiros", numa votação realizada em 1928 pela revista O Malho. Apesar disto, foi consideravelmente combatido pelos modernistas, sendo pouco lido desde então, em verdadeiro ostracismo intelectual e literário. Nas palavras de Arnaldo Niskier: "A vitória do modernismo se fez como se houvesse necessidade de abater um grande inimigo, no caso, Coelho Neto"

COELHO NETO

ÉRICO VERÍSSIMO

Érico Lopes Veríssimo  nasceu em Cruz Alta(RS) no dia 17 de dezembro de 1905 e morreu em Porto Alegre no dia 28 de novembro de 1975. Foi um dos escritores brasileiros mais populares do século XX.
Em 1965, Érico publicou o romance O Senhor Embaixador, no qual refletia sobre os descaminhos da América Latina. Ganhou então o Prêmio Jabuti, na categoria romance, da Câmara Brasileira de Livros. Publica sua autobiografia em 1966, O Escritor diante do Espelho, que é ampliada mais tarde.
No romance Incidente em Antares, de 1971, Érico traçou um apanhado da história do Brasil desde os primeiros tempos e enveredou pelo fantástico, com uma rebelião de cadáveres durante uma greve de coveiros na fictícia cidade de Antares. Em 1972, na comemoração dos quarenta anos de lançamento de seu primeiro livro, Érico relançou Fantoches, com desenhos e notas de sua autoria.
Em 1973, publica o primeiro volume de Solo de Clarineta, sua segunda e ampliada autobiografia. O enfarte que vitimou Veríssimo em novembro de 1975 impediu-o de completar o segundo volume de sua autobiografia, programada para ser uma trilogia, além de um romance que se chamaria A Hora do Sétimo Anjo. No ano seguinte, foi publicado postumamente o segundo volume de Solo de Clarineta, organizado por Flávio Loureiro Chaves.
Por ocasião do falecimento de Érico, Carlos Drummond de Andrade publicou o poema A falta de Erico Verissimo.

ÉRICO VERÍSSIMO



DIA DO LIVRO
HOMENAGEM A ÉRICO VERÍSSIMO

terça-feira, 27 de novembro de 2012

MOSTRA FILATÉLICA DE SELOS NATALINOS

O Clube Filatélico e Numismático de Poços de Caldas (MG), em conjunto com a Agência Filatélica de Poços de Caldas dos Correios (ECT) estimulando o colecionismo e a cultura convidam para a abertura da Mostra Filatélica de Selos Natalinos.
Abertura: 01/12/2012 (sábado) às 10 horas
Período de visitação: De 01/12/2012 à 28/02/2013 das 9h às 18h e a entrada é gratuita.
Local: Salão de exposições da Agencia Central dos Correios à Rua Prefeito Chagas, 221 centro, Poços de Caldas - MG.
Selos do Brasil e Universais, incluindo o primeiro selo do mundo sobre essa temática de 1898.
Participe. Prestigie.


CENTENÁRIO NASCIMENTO DE LUIZ GONZAGA - O REI DO BAIÃO

Na composição da imagem do selo, lançamento previsto para o dia 13 de dezembro, o artista utilizou vários elementos retratando a vida sertaneja do cantor e, sobretudo, a música Asa Branca, um de seus grandes sucessos. Em primeiro plano, a imagem do cantor vestido com a tradicional roupa de vaqueiro nordestino e chapéu de couro, segurando uma sanfona; acima de seu braço, a ave branca voando em direção às nuvens, simbolizando a harmonia musical do cantor. No canto inferior direito, os olhos verdes e a plantação, presentes na letra da música Asa Branca. O símbolo da Maçonaria indica a participação do homenageado naquela sociedade. Ao alto, no canto direito, a coroa representa a majestosa obra do cantor, cujos fãs o batizaram merecidamente de “Rei do Baião”.

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE LUIZ GONZAGA
O REI DO BAIÃO


CARIMBOS COMEMORATIVOS

EXU(PE)                          JUAZEIRO DO NORTE(CE)                         RECIFE(PE)



segunda-feira, 26 de novembro de 2012

OTTO ERNEST MEYER - FUNDADOR DA VÁRIG

Ernst Otto Meyer, filho de um pai alemão e mãe francesa, nasceu em Hanôver, 25 de novembro de 1897 e morreu em Porto Alegre, 1966.  Radicado no Haiti, embarcou para o Brasil em 27 de janeiro de 1921, desembarcando em Recife para trabalhar nas empresas têxteis dos irmãos Lundgreen. Em 1922 se fixou no Rio de Janeiro, onde trabalhou na agência de passagens marítimas da empresa Theodor Wille. Em 13 de janeiro de 1923 se mudou para Porto Alegre, onde de desfez de uma empresa de comissões e consignações em 1925. Neste momento, Otto Meyer já planejava a organização de uma empresa aérea e antes mesmo de fundá-la, deu o nome de empresa de Viação Aérea Rio Grandense. Em 6 de outubro de 1926 Otto Ernst Meyer deu entrada, no Palácio do Governo, a um pedido de isenção de imposto estadual para a sua empresa, pelo prazo de 15 anos, que teve o apoio do governador Antônio Borges de Medeiros. Em 30 de outubro de 1926 a solitação foi concedida. Com este propósito, em 12 de outubro de 1926, Otto Ernst Meyer embarcou de volta a sua pátria, a Alemanha. Em Hamburgo decidiu que Syndicato Condor participaria na Varig com 21 % das ações, sendo elas pagas com aviões e a assistência técnica para sua manutenção.
Em 27 de janeiro de 1927, Otto Ernst Meyer embarcou no avião Atlântico, com destino a Porto Alegre. Embora não formalizado, a aeronave já pertencia a Varig e com ela faria sua primeira linha, em 22 de fevereiro de 1927, ligando Porto Alegre a Rio Grande, com escala em Pelotas, em 2 horas e 20 minutos de vôo. Contudo, somente em 7 de Maio de 1927 a Varig foi oficialmente registrada e a autorização do governo para vôos nas costas de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e extensão até Montevideo ocorreu em 10 de Junho de 1927. O Atlântico possuia matrícula P-BAAA que passou a PP-CAA, com a mudança da forma da matrícula brasileira.

VOO INAUGURAL BRASIL - JAPÃO


40 ANOS FUNDAÇÃO DA VARIG


SERVIÇO POSTAL AÉREO NO BRASIL
1933

domingo, 25 de novembro de 2012

EÇA DE QUEIRÓZ

José Maria de Eça de Queirós nasceu em 25 de novembro de 1845, numa casa da Praça do Almada na Póvoa de Varzim(Portugal), no centro da cidade; foi batizado na Igreja Matriz de Vila do Conde. Filho de José Maria Teixeira de Queirós, nascido no Rio de Janeiro em 1820, e de Carolina Augusta Pereira d'Eça, nascida em Monção em 1826. O pai de Eça de Queirós, magistrado e par do reino, convivia regularmente com Camilo Castelo Branco, quando este vinha à Póvoa para se divertir no Largo do Café Chinês. Morreu em París no dia 16 de agosto de 1900.

150 ANOS DO NASCIMENTO DE EÇA DE QUEIRÓZ
BRASIL


150 ANOS DO NASCIMENTO DE EÇA DE QUEIRÓZ
PORTUGAL


CENTENÁRIO DA MORTE DE EÇA DE QUEIRÓZ
PORTUGAL

sábado, 24 de novembro de 2012

SÉRIE NATAL - CARIMBO COMEMORATIVO

No dia 15 de novembro pp., feriado da Proclamação da República, as 14horas, a Canção Nova recebeu em sua sede, em Cachoeira Paulista (SP), o diretor Regional São Paulo Interior da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, Joseph de Faro Valença, para o lançamento dos tradicionais selos de Natal com o uso de um carimbo comemorativo especial para a ocasião. A cerimônia aconteceu durante a programação da “Quinta-feira de Adoração” e foi transmitida ao vivo pela TV, Portal e Rádio Canção Nova.


CARIMBO COMEMORATIVO  NATAL
CACHOEIRA PAULISTA

BICENTENÁRIO DA IMIGRAÇÃO CHINESA NO BRASIL

O se-tenant com dois selos apresenta, no primeiro selo, ao fundo, em vermelho, desenho inspirado na criação da desenhista Paula Su, um dragão – por tratar-se o ano de 2012, no calendário lunar chinês, de o ano do Dragão, e o mar e a embarcação simbolizam a chegada dos primeiros imigrantes chineses. O segundo selo ilustra a troca cultural entre as duas culturas. A Dança do Dragão, espetáculo tradicional na cultura chinesa, envolve o morro do Pão de Açúcar em agradecimento ao acolhimento recebido do povo brasileiro e recorda a longa história do intercâmbio amistoso dos dois países. A cultura brasileira está presente na bola de futebol que interage com o dragão, representando a boa integração entre os dois povos. Os fogos de artifício indicam a festividade do momento. A cor vermelha simboliza a China, enquanto as cores verde e amarelo o Brasil. Técnica utilizada: ilustração vetorial. O lançamento ocorrerá dia 3 de dezembro de 2012.

BICENTENÁRIO DA IMIGRAÇÃO CHINESA NO BRASIL



LORENA 2013 - EXPOSIÇÃO NACIONAL DE FILATELIA JUVENIL

08 a 12 de junho de 2013.

 Casa da Cultura de Lorena, Rua Viscondessa de Castro Lima, 10, Centro, Lorena/SP





sexta-feira, 23 de novembro de 2012

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ

A Universidade Federal de Itajubá foi fundada em 1913 com o nome de Instituto Eletrotécnico e Mecânico de Itajubá (IEMI), tendo iniciado suas atividades no dia 16 de março. A inauguração oficial ocorreu em 23 de novembro daquele mesmo ano com a presença do Presidente Hermes da Fonseca.


PRESIDENTE HERMES DA FONSECA

Desde logo o IEMI se destacou na formação de profissionais especializados em sistemas de energia, notadamente em geração, transmissão e distribuição de energia elétrica.
O então instituto foi oficializado pelo Governo Federal em 5 de janeiro de 1917, por meio da Lei 3232, sancionada pelo Presidente Wenceslau Braz, que reconheceu o Curso de Engenheiros Eletricistas e Mecânicos.

PRESIDENTE WENCESLAU BRAZ

O curso tinha, inicialmente, a duração de três anos, tendo passado para quatro anos em 1923. Em 1936 foi alterado o currículo do curso, que passou a ter a duração de cinco anos, e o Instituto foi equiparado à Escola Politécnica do Rio de Janeiro. Em 15 de março daquele ano, o nome da instituição foi alterado para Instituto Eletrotécnico de Itajubá - IEI. Em 30 de janeiro de 1956 o IEI foi federalizado pela Lei 2721, sancionada por Nereu Ramos, presidente em exercício.
Em 16 de abril de 1968, o Decreto 62.567 alterou sua denominação para Escola Federal de Engenharia de Itajubá - EFEI e em 24 de abril de 2002, foi transformada em Universidade, com a denominação atual, adotando a sigla UNIFEI, por meio da Lei 10.435, sancionada pelo então Presidente da República, Fernando Henrique Cardoso.

PRESIDENTE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

HOMENAGEM AOS MÚSICOS

O Breviarium Romanum não faz menção alguma às prendas musicais de Cecília, ela se tornou, por tradição, a padroeira dos músicos, da música e do canto, cuja data de comemoração é 22 de novembro, o mesmo dia dedicado à santa. A tradição conta que Santa Cecília cantava com tal doçura, que um anjo desceu do céu para ouvi-la.

CHIQUINHA GONZAGA



ELEAZAR DE CARVALHO
REGENTE E COMPOSITOR

FREDERIK CHOPIN


CESÁRIA ÉVORA
A DIVA DOS PÉS DESCALÇOS
CABO VERDE


VINICIUS DE MORAES

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

DIA NACIONAL DA HOMEOPATIA


A prática da homeopatia chegou ao Brasil em 1840, pelas mãos do médico francês Dr. Benoit Jules Mure (Bento Mure) que, na cidade do Rio de Janeiro, fundou a primeira escola para o seu ensino: o Instituto Homeopático Brasileiro. Os diversos insumos então utilizados vinham da Europa. Dr. Mure e seu amigo, Dr. João Vicente Martins, ministravam os cursos e o interesse dos farmacêuticos era crescente.
A cisão da homeopatia da prática médica deu-se por volta de 1851, por parte dessa instituição acadêmica. Com o Decreto nº 9554 de 1886, os farmacêuticos ganharam o poder de manipular medicamentos. Com o passar dos anos surgiram leis específicas para a farmácia homeopática, e com muitos esforços da classe médica e farmacêutica, foi elaborado o Decreto nº 78841, aprovando a 1ª edição da Farmacopéia Homeopática Brasileira. Entretanto, apenas em 1980 é que o Conselho Federal de Medicina reconheceu a homeopatia como especialidade médica, apesar da profissão ainda poder ser exercida legalmente por outros profissionais da área de saúde, tais como: veterinários, odontólogos, psicólogos e enfermeiros.

1º CONGRESSO MÉDICO MUNDIAL DE HOMEOPATIA
RIO DE JANEIRO - 1954


V CONGRESSO BRASILEIRO DE HOMEOPATIA
RIO DE JANEIRO - 1952





terça-feira, 20 de novembro de 2012

DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA

O Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. A semana dentro da qual está esse dia recebe o nome de Semana da Consciência Negra.
A data foi escolhida por coincidir com o dia da morte de Zumbi dos Palmares, em 1695. O Dia da Consciência Negra procura ser uma data para se lembrar a resistência do negro à escravidão de forma geral, desde o primeiro transporte de africanos para o solo brasileiro (1594).
Outros temas debatidos pela comunidade negra e que ganham evidência neste dia são: inserção do negro no mercado de trabalho, cotas universitárias, se há discriminação por parte da polícia, identificação de etnias, moda e beleza negra, etc.
O dia é celebrado desde a década de 1960, embora só tenha ampliado seus eventos nos últimos anos.

ZUMBI DOS PALMARES

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

DIA DA BANDEIRA


A comemoração do Dia da Bandeira ocorre todos os anos no dia 19 de novembro, pois essa foi a data de instituição da bandeira nacional republicana, no ano de 1889. Nessa data ocorrem comemorações cívicas, normalmente acompanhadas do canto do Hino à Bandeira. A bandeira foi adotada pelo decreto nº 4 no dia 19 de novembro de 1889. Esse decreto foi preparado por Benjamin Constant, membro do governo provisório.
BENJAMIN CONSTANT

Ao meio-dia (12h00) do Dia da Bandeira (19 de novembro), as bandeiras inservíveis (rasgadas, descoloridas, etc.) devem ser incineradas em Cerimonial Peculiar.

BANDEIRA DO BRASIL

BANDEIRA DO BRASIL


BANDEIRA DO BRASIL

BANDEIRA DO BRASIL

BANDEIRA DO BRASIL

DIA INTERNACIONAL DO HOMEM

O Dia Internacional do Homem é um evento internacional celebrado em 19 de Novembro de cada ano. As comemorações foram iniciadas em 1999 pelo Dr. Jerome Teelucksingh em Trinidad e Tobago, apoiadas pela Organização das Nações Unidas (ONU), e vários grupos de defesa dos direitos masculinos da América do Norte, Europa, África e Ásia. No Brasil o Dia do Homem também é comemorado em 19 de Novembro. A diretora da Secretaria de Mulheres e Cultura de Paz da UNESCO, Ingeborg Breines, disse que a criação da data é "uma excelente idéia para equilibrar os gêneros". Os objetivos principais do Dia Internacional do Homem é melhorar a saúde dos homens (especialmente dos mais jovens), melhorar a relação entre gêneros, promover a igualdade entre gêneros e destacar papéis positivos de homens. É uma ocasião em que homens se reúnem para combater o sexismo e, ao mesmo tempo, celebrar suas conquistas e contribuições na comunidade, na famílias e no casamento, e na criação dos filhos.
A data é celebrada em Trinidad e Tobago, Jamaica, Austrália, Índia, Itália, Estados Unidos, Nova Zelândia, Brasil, Moldávia, Haiti, São Cristóvão e Nevis, Portugal, Singapura, Malta, África do Sul, Gana, Botswana, Angola, Zimbabwe, Croácia, Uganda , Chile, Hungria, Irlanda, Peru, Canadá, China, Vietnã, Paquistão, Dinamarca, Suécia, Noruega, Guiana, Holanda, Bélgica, Geórgia, Argentina, México, Alemanha, Áustria, Finlândia, Espanha, França e Reino Unido.


DIA INTERNACIONAL DO HOMEM

DIA INTERNACIONAL DO HOMEM

domingo, 18 de novembro de 2012

ANTÔNIO FRANCISCO LISBOA - O ALEIJADINHO

Antônio Francisco Lisboa, mais conhecido como Aleijadinho nasceu em Ouro Preto(MG) em 29 de agosto de 1730 ou, mais provavelmente, 1738 e morreu em Ouro Preto no dia 18 de novembro de 1814. Foi  importantíssimo escultor, entalhador e arquiteto do Brasil colonial.
Em 1796 recebeu outra encomenda de grande importância, para a realização de esculturas da Via Sacra e os Profetas para o Santuário de Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas, consideradas a sua obra-prima. No censo de 1804 seu filho apareceu como um de seus dependentes, junto com a nora Joana e um neto. Entre 1807 e 1809, estando sua doença em estado avançado, a sua oficina encerrou as atividades, mas ele ainda realizou alguns trabalhos. A partir de 1812 sua saúde piorou e ele passou a depender muito das pessoas que o assistiam. Mudou-se para uma casa nas proximidades da Igreja do Carmo de Ouro Preto, para supervisionar as obras que estavam a cargo de seu discípulo Justino de Almeida. A esta altura estava quase cego e com as capacidades motoras grandemente reduzidas. Por um breve período voltou para sua antiga moradia, mas logo teve de acomodar-se na casa de sua nora, que de acordo com Bretas se encarregou dos cuidados de que necessitava até que ele veio a falecer, em 18 de novembro de 1814. Foi sepultado na Matriz de Antônio Dias, em uma tumba junto ao altar de Nossa Senhora da Boa Morte, de cuja festa pouco antes tinha sido juiz.



HOMENAGEM A ANTONIO FRANCISCO LISBOA,
O ALEIJADINHO

HOMENAGEM A ANTONIO FRANCISCO LISBOA,
O ALEIJADINHO

BARTOLOMEU DE GUSMÃO

Bartolomeu Lourenço de Gusmão  nasceu em Santos(SP) em 1685 e morreu em  Toledo(Espanha) no dia 18 de novembro de 1724). Foi  sacerdote secular, cientista e inventor nascido na então colonia portuguesa do Brasil, capitania de São Vicente, em Santos, jesuíta, famoso por ter inventado o primeiro aeróstato operacional, a que chamou de "passarola". Cognominado o padre voador, é uma das maiores figuras da história da aeronáutica mundial.

ENVELOPE COMEMORATIVO

BARTOLOMEU DE GUSMÃO


MEDALHA COMEMORATIVA


sábado, 17 de novembro de 2012

RACHEL DE QUEIROZ

Rachel de Queiroz nasceu em Fortaleza (CE) no dia 17 de novembro de 1910 e faleceu no Rio de Janeiro (RJ) no dia 4 de novembro de 2003. Filha de Daniel de Queiroz e de Clotilde Franklin de Queiroz descende, pelo lado materno, da estirpe dos Alencar, parente, portanto de autor ilustre de “O Guarani”, e, pelo lado paterno, dos Queiroz, família de raízes profundamente lançadas no Quixadá e Beberibe.

RACHEL DE QUEIROZ


LORENA 2013 - EXPOSIÇÃO NACIONAL DE FILATELIA JUVENIL

08 a 12 de junho de 2013.

 Casa da Cultura de Lorena, Rua Viscondessa de Castro Lima, 10, Centro, Lorena/SP